Resultados encontrados: É VERDADE OU MENTIRA?

BOTECO DO ECO

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Dizem que foi um famoso boteco localizado na Avenida Brasil que estava em decadência. Outros juram de pés juntos que foi naquele da Rua José de Santana e que se salvou depois que se mudou de endereço e até hoje continua com o mesmo nome. O que interessa é que naquela época, década de 1980, […]

BURRO NÃO ERA TOLO, O

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Conta-se que, certa vez, um burro “empacou” defronte à garagem da Gontijo. Não houve espora e nem chicote que o fizesse mover-se. Depois de algum tempo, um dos motoristas da Empresa que acabava de chegar de viagem, disse ao cavaleiro: – “Deixa comigo”. Chegou perto do burro e cochichou-lhe alguma coisa ao ouvido. O burro […]

CAMINHÃO DO GUARANÁ, O

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Vocês já notaram quanto de filosofia existe nos ditos populares escritos nos para-choques dos caminhões? Cada motorista, a seu modo, escreve uma frase e sai por aí a fora, levando, além da carga, quase sempre um dito jocoso. Há, por exemplo, aquele que escreveu: “Avisa a Maria que eu cheguei”! Por certo, é um presunçoso, […]

CAMPO DE AVIAÇÃO

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

No início da década de 1950 o aeroporto de Patos chamava-se “campo de aviação”. Ele era localizado mais ou menos entre onde hoje ficam o Hospital Vera Cruz e a Lagoa Grande. Final de ano, chovia barbaridade. E não sabemos por qual motivo um teco-teco aterrissou no “campo de aviação”. Até aí tudo bem, apesar […]

CARA DE PAU DO METRALHA

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Na década de 1970 um bando de meninos na faixa dos dez a doze anos de idade, com margem para mais e/ou para menos, era considerado um verdadeiro terror devido ao aborrecimento que causava ao povo. Eles viviam fazendo gracinhas, zombando das pessoas e o pior, diziam que praticavam pequenos furtos em quintais alheios. Como […]

CAVALO DO ONÇA

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Aqui na região, existe um lugarejo com o nome de Onça. Certa vez, um senhor daquele lugar veio a Patos, trazendo um belo cavalo para ser vendido. E na transação feita com uma determinada pessoa, ficou resolvido que o pagamento seria feito em duas parcelas. Como ficaria dispendioso seu retorno a Onça e, depois, voltar […]

CESTA ERRADA

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Se não nos enganamos, o Juiz de Direito naquela época chamava-se Dr. Enéas. Isso ocorreu na década de 60. Bem! Dr. Enéas, naquela luta ferrenha como Juiz de Direito e Juiz de Menores, ainda era o responsável pelo Cartório Eleitoral. Não existia verba para nada. Quando necessitava de qualquer coisa para o Fórum, um advogado, […]

CHEQUE SEM VOLTA

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Ronaldo Rocha, outra vez personagem de uma história. Ele era, há muito tempo, tesoureiro do Lions Clube de Patos de Minas. O clube necessitava de certa quantia para uma obra de mais urgência e foi feita, exclusivamente, para este fim, uma rifa. Amanhã seria quinta-feira e aconteceria uma reunião do clube e o Ronaldo prestaria […]

CHILON, SEUS FILHOS E CARROS ANTIGOS

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

A cidade de Patos de Minas foi e sempre será repleta de fatos pitorescos que marcam a vida alegre de nossa terra. O Dr. Edson Pinheiro, jornalista dos mais apurados, escreveu várias crônicas e comentários a respeito do engraçado da vida. Teve uma época em que ele tinha um programa noturno na Rádio Clube de […]

CIMENTO DO ATAÍDES, O

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Ataídes de Deus Vieira, ex-prefeito de Patos de Minas de 1967 a 1971, recebera, certa vez, em seu gabinete, a visita de um velho amigo político. A finalidade da visita era um pedido de cimento para a construção de um barraco. O Prefeito, então, enviou um bilhete ao funcionário do almoxarifado: – Nerso, favô fornecê […]

CIRANDAS DE RAFAEL GOMES DE ALMEIDA – I

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Patos de Minas, também tem seus problemas. O asfalto que está sendo feito em nossa terra, em determinadas ruas, não pode ser chamado de calçamento. É mais um tipo de bota que o nosso roceiro usa para cuidar de gado e proteger a sua roupa tão desprotegida. O caso a ciranda explica: Não é asfalto […]

CIRANDAS DE RAFAEL GOMES DE ALMEIDA – II

Postado por e arquivado em É VERDADE OU MENTIRA?.

Patos de Minas, a capital do milho, pode também ser qualificada como a capital da imprensa ecumênica. Não sei se os leitores observaram, mas com a paralisação do “Jornal dos Municípios” os informativos são dirigidos por padres e agora a “Debulha” vem sendo comandada por pessoas que, pelo trabalho religioso, ocupam destaque na Igreja Presbiteriana. […]