6.ª CÂMARA MUNICIPAL – 07/01/1883 A 07/01/1887

Postado por e arquivado em CÂMARAS, PODER LEGISLATIVO.

Nova eleição para compor a 6.ª Câmara a partir de 1883 realizou-se em 1.º de julho de 1882. Somente três candidatos alcançaram o número de votos necessários (15): Joaquim Pereira de Queiroz, Manoel Francisco dos Santos e Olegário Dias Maciel. Nova eleição foi marcada para 05 de agosto, cuja apuração se deu na sessão do dia 21. Atingidos os números necessários de votos, os novos vereadores foram empossados em 07 de janeiro de 1883, tendo como presidente e chefe do Executivo, Olegário Dias Maciel (foto), e como vice presidente, João Camilo da Cruz:

David Antônio da Costa, Eliziário José Joaquim de Andrade, João Camilo da Cruz, Joaquim Pereira de Queiroz, José Dias da Silva, Manoel Francisco dos Santos e Olegário Dias Maciel.

O número de votos foi bem menor que nas eleições anteriores por causa da “Lei Saraiva” ou “Lei do Censo de 1881”, que exigia para ser eleitor uma renda mínima de anual de duzentos mil réis comprovada de fato (antes era de cem mil réis), além disso desde 1975 o votante deveria ter Título de Eleitor.

O suplente Arthur Thomaz de Magalhães é empossado vereador na sessão de 17 de novembro de 1885 e, nesta mesma sessão de que já participa, propôs a retirada dos porcos da Vila.

* Fonte: Uma História de Exercício da Democracia – 140 Anos do Legislativo Patense, de José Eduardo de Oliveira, Oliveira Mello e Paulo Sérgio Moreira da Silva.

* Foto: Do livro Domínios de Pecuários e Enxadachins, de Geraldo Fonseca.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

captcha

Please enter the CAPTCHA text