ALEXINA CÂNDIDA DA CONCEIÇÃO: A PRAÇA LIXEIRA

Postado por e arquivado em FOTOS, MAZELAS.

Na entrada do antigo campo do Mamoré formou-se um pequeno espaço descampado que, com a urbanização do local, se transformou numa pracinha, conhecida naturalmente por Praça do Mamoré. Em 13 de maio de 1985, através da Lei n.º 2.021, ela recebeu o nome de Alexina Cândida da Conceição (26/06/1893-25/01/1951), parteira e costureira ligada às cores do Sapão. O tempo passou, o campo foi negociado e se transformou no Pátio Central Shopping, inaugurado em 2008. A simpática pracinha, então, recebeu alguns retoques por parte da administração municipal. Infelizmente, desde os retoques a simpática pracinha tem sofrido, e muito, deixando os moradores do entorno com os cabelos em pé¹. E quando se pensava que a praça teria um merecido descanso, eis que a transformaram num depósito de lixo bem à entrada do maior centro comercial da Cidade. Pobre Alexina Cândida da Conceição, sofremos por ti por causa da incapacidade do nosso poder público de detectar e eliminar as mazelas da Cidade!

* 1: Leia “Alexina Cândida da Conceição: A Praça que já Teve Bancos”.

* Texto e foto (26/03/2018): Eitel Teixeira Dannemann.

Compartilhe