INSTALADA A COMISSÃO CENSITÁRIA DE 1950

Postado por e arquivado em HISTÓRIA.

Procedeu-se a 31 de maio findo, às 20 horas, no salão de festas da ZYB-4 local, a instalação da Comissão Censitária Municipal de Patos, cuja sessão foi presidida pelo sr. Zama Maciel, representante do Prefeito Municipal, e pelo dr. Omar Alves Tiburcio, representante do exmo. sr. Juiz de Direito da comarca, tendo secretariado a sessão o agente municipal de estatística, o distinto jovem João Evangelista Gonçalves.

Sobre o assunto, o sr. Zama Maciel teceu os melhores comentarios, lançando um veemente apelo ao povo para cooperar com as Agentes do Censo, fornecendo-lhes dados precisos, nesta obra federativa e de reflexo mundial, com escalas aos interesses do muncicipio e consequentemente entre govêrno e governados.

A seguir, o sr. João Evangelista, agente municipal de estatistica, em eloquentes palavras, conclama os patenses para ajudá-lo na campanha censitária, respondendo conscientemente aos Boletins informativos, para que tenhamos uma idéia sucinta sobre o que somos na realidade e o que representamos na unidade da Patria.

Fizeram-se ouvir ainda, emprestando apôio e solidariedade à grandiosa campanha, os srs. revmo. Padre Alaor Porfírio de Azevedo, dr. Omar Alves Tiburcio e rev. Nelson Bonilha.

A comissão censitária ficou assim constituida: prefeito Vicente Guimarães, dr. Geraldo Reis Alves, Juiz de Direito, sr. Zama Maciel, pe. Alaor Porfírio de Azevedo, dr. Geraldo Tomaz de Magalhães , presidente da Câmara Municipal, rev. Nelson Bonilha, Abner Afonso de Castro, revmos. vigarios das paroquias do Rosário, dos distritos de Lagôa Formosa, Santana e Chumbo.

Após a leitura da ata, que foi assinada pelos presentes, encerrou-se a sessão.

* Fonte: Texto publicado com o título “Instalada a Comissão Censitária Municipal de Patos de Minas” na edição de 04 de junho de 1950 do jornal O Patense, do arquivo da Fundação Casa da Cultura do Milho.

* Foto: Oglobo.globo.com.

Facebooktwittergoogle_plusby feather