ENTRADA DO CEMITÉRIO SANTA CRUZ NUM DIA DE FINADOS

Postado por e arquivado em 2018, DÉCADA DE 2010, FOTOS.

O nosso terceiro Cemitério Municipal teve o primeiro sepultamento registrado em 28 de julho de 1911, uma criança do sexo masculino. Sessenta e dois anos depois recebeu o nome de Cemitério Municipal Santa Cruz, através da Lei 1.284, de 14 de agosto de 1973¹. No Dia dos Mortos, a movimentação é intensa lá dentro e nos arredores. Lá dentro, destaca-se a saudade dos entes queridos que se foram. Muitos frequentadores aproveitam a oportunidade para solicitar algum tipo de ajuda ao Zé Borrachudo, o túmulo mais visitado no dia². Lá fora, principalmente à simplória e nada condizente porta de entrada, não há saudade alguma, unicamente a oportunidade de se ganhar algum dindim às custas dos emotivos.

* 1: Leia “Cemitérios”.

* 2: Leia “Cemitério Santa Cruz: Zé Borrachudo, Galo Agulhado e Outros Casos”.

* Texto e foto (02/11/2018): Eitel Teixeira Dannemann.

Facebooktwittergoogle_plusby feather